CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Poeta Irineu Baroni
Simples assim, como a vida...
Textos

ÀS VEZES
 
Às vezes sou sim
Às vezes sou não
Às vezes sou branco
Às vezes sou negro
Às vezes sou triste calado
Às vezes sou alegre falante
Às vezes sou dó maior
Às vezes sou dó menor
Às vezes sou o que sou
Às vezes sou o que não sou...
 
À vezes, não sei quantas vezes,
sou bicho do mato
sou homem criado
sou calado malcriado malvado
sou tagarela delicado bondoso...
 
talvez, quem sabe,
diante de tudo
a procura de nada
uma vez sobreviva
meu encontro comigo...
Irineu Baroni
Enviado por Irineu Baroni em 07/09/2009
Alterado em 22/05/2010

Música: Panorama (andantino) - Tchaikovsky

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários